terça-feira, 11 de março de 2008

:: Blá, blá, blá

Funciona assim: você veste uma calça social e uma camisa de manga dobrada duas vezes, quase na altura dos cotovelos e capricha no sapato. Aí escolhe uma palavra forte ou uma frase de impacto, e a elege como tema norteador. Então você monta uma apresentação de slides bonitinha, com uma combinação interessante de cores e imagens. Feito isso, basta convencer um grupo pequeno de pessoas de que suas idéias são instigantes e motivadoras e que é fundamental que toda a equipe coordenada pelo tal grupo pequeno tenha contato com elas. Pronto! Você já pode começar a ganhar dinheiro falando muito sem dizer coisa alguma. De quebra você consegue desmotivar de vez a equipe, tornando mais fácil a tarefa de convencer o grupo pequeno de que seu retorno é fundamental para a motivação de todos. É fácil ganhar dinheiro, né?

3 comentários:

B. Homsi disse...

Não faço a mínima idéia sobre quem você está se referindo, ficou muuito implícito XD
mas de qualquer maneira, quando você descreveu essa imagem, consegui visualizar inúmeras pessoas; e todas igualmente bem-sucedidas.

Ah, sobre a postagem mais antiga que você fez, é verdade; é incrível a quantidade de letras que nem pertencem ao nosso alfabeto que são colocadas em nomes de pessoas com renda inferior. Sua teoria de compensação - se se pode falar assim - é válida x)

André disse...

ai ai, adoro entrar num blog e estar posts atrasado na leitura! voltarei mais vezes ;)
abs

Heitor Achilles disse...

Em tempos de globalização temos que tomar cuidado com essa nova síndrome, talvez pior que a síndrome do pânico.

O jeito Fernando Collor de Melo está de ser está de volta!

Resta saber se algum dia haverá impachment!